Sobre Escalada Tradicional

Por Andrey Romaniuk

Recentemente adquiri um livro que realmente me surpreendeu, e posso classificá-lo sem sombra de dúvidas como um dos melhores livros sobre escalada tradicional que já encontrei. O livro chama-se “Trad CLIMBING+” da editora Rockfax. Os autores são dois experts britânicos na arte da escalada em móvel: Adrian Berry e John Arran.

São 288 páginas coloridas, repletas de fotos e com uma diagramação impecável. Além disso, o grande diferencial é que os autores utilizam uma abordagem positiva frente ao assunto. Enquanto grande parte dos livros de escalada aborda como satisfazer motivações negativas, como montar equalizações super sólidas, proteções confiáveis, e como tornar-se um escalador mais seguro, ou outros livros que concentram-se nos aspectos de treinamentos físicos, focando em como tornar-se um escalador mais forte, este livro procura balancear os aspectos “negativos” sobre segurança na escalada tradicional, com as importantes habilidades positivas como técnica, estratégia e preparação mental que irão levar o escalador ao final de uma via.

Recomendo a aquisição a todos que apreciam esta modalidade de escalada! E aproveito para deixar abaixo o belo texto de introdução, já traduzido.

Sobre Escalada Tradicional

Adrian Berry / John Arran

A escalada tradicional é incrível. Nós todos sabemos disso, mas explicar o porquê não é tão fácil. Ela demanda uma mescla única e em constante mudança do físico, do técnico e do emocional. É um esporte saudável; um desafio natural. Nos leva a lugares incríveis e belos. Ajuda a construir relações de confiança. É divertido, memorável, cativante, assustador e recompensador. Tudo isso é verdade, mas o todo é maior que a soma das partes. Para realmente entender porque a escalada tradicional é incrível, você deve tentar e descobrir por si mesmo.

Para algumas pessoas, um dia perfeito é aproveitando as paredes, escalando bem, dentro de seus limites de graduação, com bons amigos e uma margem de segurança saudável. Outros são mais interessados em empurrar seus limites físicos e psicológicos, buscando por desafios ainda mais difíceis e ousados. Outros ainda, serão aventureiros, preferindo a sedução de um vale inexplorado ou uma linha nunca escalada, ao invés das vias convencionais registradas nos croquis. Talvez os escaladores que realmente entendem são aqueles que desfrutam de tudo isto, e muito mais além.

Escalada tradicional é qualquer tipo de escalada que não depende de uma linha que já foi equipada anteriormente com chapeletas permanentes ou proteções similares. Ela permanece praticamente a mesma atividade que foi para os pioneiros do século XIX, que deveriam audaciosamente buscar por novos caminhos frente às paredes mais intimidantes. A tecnologia evoluiu; nós agora temos um nível de segurança que era impensável mesmo há poucas décadas atrás. O número de escaladores, e de escaladas catalogadas, também cresceu enormemente; mas a persistente ética é perfeitamente cabível ao nosso mundo moderno preocupado com o ambiente. Nós escalamos usando somente o que a natureza nos oferece e nos esforçamos para deixar cada escalada exatamente como a encontramos.

Uma idéia errônea comum sobre a escalada tradicional é que ela é assustadora. A realidade é que, desde que você saiba o que está fazendo, você tem praticamente todo o controle sobre o nível de risco que está preparado a encarar. Você escolhe as vias, e existem tantas vias tradicionais bem protegidas nos diversos graus de dificuldade, que você poderia passar sua vida toda escalando somente as mais seguras. Você escolhe qual proteção colocar e onde colocá-la, o que usualmente oferece várias opções de backups para qualquer peça com a qual não ficar satisfeito. A qualquer momento você também pode decidir por descer. Tal abundância de escolhas e responsabilidade pessoal não é comum em outros esportes, mas certamente adiciona à satisfação que você sente quando alcança o fim de uma via. Você não somente crescerá frente ao desafio físico e técnico, mas irá fazê-lo com efeito e talvez tomando decisões críticas a cada estágio.

Escalada tradicional não se trata somente sobre escalar forte tampouco escalar sob controle. Não se trata sobre permanecer seguro ou assumir riscos. Não se trata sobre ser ambicioso ou despretensioso. É sobre tudo isso, e muito mais além. Talvez seja por isso que gostamos tanto.

Anúncios

3 respostas para Sobre Escalada Tradicional

  1. elcio disse:

    Como escalador, devemos praticar todas as modalidades de escalada,bouder,esportiva,artificial,grandes paredes,mas com certeza depois que se conhece a escalada trad as suas opções de emoção,comprometimento e conhecimento são potencializados!
    Ótimo texto!!

  2. Alan disse:

    Meu caro, onde você adquiriu o livro? Abraços e obrigado! Alan

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: