No Mundo Azul

Por Andrey Romaniuk 

No Mundo Azul sou o tal
Já subi várias montanhas
O belo morro 10111100010
O grande monte 1010011101
O majestoso pico 100110001010
Conquistei a temível crista 001111101010
Fiz a difícil escalada da via 0101010111
A primeira ascensão da enorme parede 01000011110
A árdua travessia 11100010101, em menos de 15 minutos!
Abri a tortuosa trilha 0001001110
E é claro, contei pra todo mundo!
Dei dicas aos menos experientes
Usei o velho equipamento que tenho em casa
Foram empreitadas duras, solitárias, binárias
Sempre no estilo alpino
Tive seqüelas na vista
Dores nas costas
Cãibras nos dedos
Mas muitas recordações
Led’s piscando
E o som de meu equipamento tintilhando

Click click

Ah…também existe um outro Mundo
Chama-se Terra
Mas lá a história é outra…

Anúncios

3 Responses to No Mundo Azul

  1. Clap, clap, clap…

    Se eu escrevesse “sem comentários”, seria contraditório.

    Então é excepcional! E nesta história de binários, seria uma grande idéia criar clubes de montanhismo, Serras do Mar, montanhas infinitas, tudo no Second Life. Os gafanhotos já destruíram o mundo azul, agora devem migrar para a segunda vida.

    Bem…

    Clap, clap, clap… outra vez.

  2. Atila Barros disse:

    Doido o texto!

    Força sempre e boas escaladas!
    Atila Barros

  3. Pata Lee disse:

    Pôxa! Eu adorei o mundo azul! Como eu faço pra morar lá?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: